As Brumas da Ilha – Bianca Furtado

O que falar sobre esse livro? Apenas que AMEII!. O livro conta a história de Lunae, que vive com sua avó, Luzia, e sua irmã Ignis. São mulheres fortes, e independentes, que à sua maneira, reverenciam uma deusa, na pequena ilha de Flores, no arquipélago dos Açores.

A história se passa aproximadamente em 1740.Lunae, com frequência, pensa em sua mãe, que morreu quando ela era criança.D Luzia,é conhecida por ser a curandeira da ilha, e acaba tratando de todos, desde um pequeno resfriado, até no auxilio de um parto. Um dia, D Luzia e Ignis, precisam ir até outra ilha do Arquipélago para fazer um parto, e Lunae precisa ficar sozinha em Flores. brumas_da_ilha_1283319310bPassadas duas semanas, sem que as duas retornem, ela pega um barco e vai até essa ilha próxima, só que ao chegar nessa ilha, ela acaba descobrindo algo sobre sua mãe. Informação, essa que, vai mudar sua via. Ela descobre que sua mãe está viva, e viu que ela está em uma outra ilha do arquipélago, a ilha do Corvo.

Lunae descobre, que sua mãe é a matriarca da ilha do Corvo, lá ela junto com outras mulheres, são pagãs, mas adoram sua Deusa. Lunae vai para essa ilha, para aprender com a sua mãe. Após algum tempo, toas elas precisam sair dessa ilha fugidas, pois a Inquisição começa a persegui-las por bruxaria. Elas iriam inicialmente para Cabo Verde, mas o destino acabou trazendo-as para a 10ª ilha dos Açores,a Ilha de Santa Catarina.

Um livro lindo, com uma leitura super fácil e gostosa. Conta um pouco da história das bruxas existentes na atual Florianópolis. para quem gosta de livros que fala de mulheres fortes, esse é perfeito. Para quem leu a coleção “As Brumas de Avalon” e gostou, esse é super indicado. Minha nota para ele foi 10! Com certeza!!

Dados técnicos:

ISBN: 9788588886599

Editora: Isis

Livros relacionados:

As brumas de Avalon – Marion Zimmer Bradley

Anúncios
Publicado em Livros | Marcado com , , , | Deixe um comentário

A Filha Perdida – Elena Ferrante

Nunca havia lido nada dessa autora, mas admito que estava intrigada, pois ela começou a vender livros, muitos, de uma hora para outra. Então, decidi ler “a filha perdida”, como primeira leitura, e não me arrependi. É uma leitura super gostosa, leve. Não sei definir esse gênero literário, pois mesmo na classificação estar como “romance italiano”, a impressão que tive era que era uma biografia, pois a maneira como ela narrou o livro, me deixou com essa impressão.a_filha_perdida_1474573316613339sk1474573316b

Conta a história da Leda, que já criou as duas filhas, e agora está com tempo apenas para ela. E decide tirar férias sozinha, para pensar apenas nela. Acaba indo para uma praia no litoral da Itália. Quando chega nessa praia ela começa a observar as pessoas que frequentam o lugar, e observa uma família de Napolitanos, e como muitas familias italianas, são grandes, espaçosas, barulhentas. Particularmente ela observa Nina e sua filha Helena. A maneira como a menina brinca com sua boneca, e como a mãe entra, ou não na brincadeira, na maneira como ela, a mãe é tratada pelo resto da família. Um dia, ao observar elas, ela vê que a mãe está procurando pela menina, que não está mais no mesmo local que estava há 5 minutos. E dessa forma, toda a praia começa a procurar a menina, e Leda também entra nessa.

Quando Leda encontra a pequena Helena, todos ficam muito felizes, mas a menina fica apenas resmungando que quer a sua boneca. Quando Leda vai embora da praia, sem querer ela acabou levando junto a boneca, e diz que vai devolver em uma próxima oportunidade. Acontece que a história acaba se passando em cima do sumiço da boneca. Paralelamente, Leda vai tendo algumas lembranças da sua vida, de situações que aconteceram com ela, suas filhas e seu ex marido. Por esse motivo, que acredito que o livro seja uma biografia, pois a maneira que ela descreve essas cenas, parece que realmente foram vividas.

Gostei muito do livro, da leitura. Super leve. Depois que havia começado a ler, que fiquei sabendo que são três livros, então não tenho certeza se li o 1º ou não. Mas recomendo. Minha nota foi 9,5.

Dados Técnicos:

ISBN: 9788551000328

Editora:Intrinseca

176 páginas

Publicado em Livros | Marcado com , , , | Deixe um comentário

O Som do Amor – Jojo Moyes

Admito que esse livro não me cativou muito, não pela história, mas achei que faltou alguma coisa. A história desse livro, gira em torno de uma casa, “A Casa Espanhola”, uma casa grande, malcuidada, praticamente em ruínas, mas que tem um grande valor sentimental para os moradores locais de Nolfolk.

O velho proprietário da grande casa é um senhor ranzinza, e um pouco solitário, recebe os cuidados de sua vizinha, Laura. Ela e seu marido Matt, tem como sonho herdar a velha casa. Porém, o velho Sr Pottisworth, nunca deixou nada por escrito dizendo que a casa será deles. Um dia, inesperadamente ele acaba falecendo, Matt e Laura não se contentam de tanta alegria, até o momento que descobrem que quem realmente herdou a casa foi uma parente distante do velho Pottisworth, Isabel Delancey.o_som_do_amor_1475098617615758sk1475098617b

Isabel vive em Londres com os filhos, e ainda está se recuperando da morte do marido há um pouco mais de um ano. Suas finanças estão no limite, e o fato de terem herdado uma velha casa, já é um certo alívio para eles. Ou será que não?

Ao se mudarem para a Casa Espanhola, Isabel e seus filhos se questionam se realmente valeu a pena. Matt é empreiteiro, e como sempre alimentou o sonho de herdar a velha casa, oferece seus serviços para Isabel, e dessa forma, tem como plano, fazer à reforma da maneira que ele sonha, ao invés de acordo com o orçamento de Isabel. Acontece que muitas pessoas na cidade tem medo dele.

O livro realmente não entra na lista de os preferidos dessa autora. Durante toda a leitura fiquei com raiva dos personagens (a maioria). Não gostei do final. Realmente esperava mais desse livro. Minha nota pra ele foi 7,0

Dados técnicos:

ISBN: 9788551000663

Editora: Intrinseca

Livros relacionados:

Jojo Moyes

Publicado em Livros | Marcado com , , , | Deixe um comentário

O despertar do Príncipe – Coleen Houck

No primeiro livro de “os deuses do Egito”, Collen Houck descreveu de maneira maravilhosa sobre um pouco dessa cultura.Liliana Young é uma jovem nova-iorquina, prestes a ir para a faculdade, e decide tirar uma manhã para fazer essa seleção das faculdades, e vai passar esse tempo no Museu de Arte Moderna de Nova York. Como ela tem um acesso ilimitado no Museu, ela decide ir até a sessão do Egito, onde ainda não está aberta ao público.

Ao chegar lá, e começar a analisar suas opções, ela escuta um barulho, e acha que algum turista acabou de perdendo por ali. Ao ir investigar o barulho, ela da de cara com um belo jovem, de pele bronzeada, careca e vestindo apenas um saiote no estilo egípcio. Ele parece um pouco confuso por estar em uma sala estranha,ela acha que ele é um mendigo que entrou escondido no museu e foi parar ali.

Seu nome é Amon, e ele diz que é um príncipe que precisa salvar o mundo, mas antes, precisa de seus vasos canótipos. Lilly demora um pouco para acreditar nele, pois o que ele fala para quase irreal de acontecer. Acontece que Lilly não é uma jovem qualquer, ela tem uma vida extremamente controlada por seus pais, e isso inclui também as pessoas que conhece e locais nos quais ela pode frequentar.o_despertar_do_pricipe_1434660619511306sk1434660619b

Depois que Amon convence Lilly sobre quem ele realmente é, ela decide ok, sem muita escolha, ela embarca com ele nessa aventura para salvar o mundo. Pegam um avião, e vão até o Egito para que lá ele possa despertar seus irmãos, que também tem a mesma missão que ele. Eles enfrentam monstros, descobrem passagens secretas dentro de sítios arqueológicos e nas três grandes pirâmides. Juntos eles enfrentam muitas coisas. Eles acabam formando uma ligação muito forte um com o outro.

Um livro super gostoso de ler, super leve e fácil. A leitura flui muito bem. Super recomendo. Lógico que esse é o primeiro livro, e agora estou ansiosa pelos próximos. hahah Minha nota para ele foi 9,0.

Dados técnicos: 9788580414363

384 páginas

Editora: Arqueiro

 Livros relacionados:

Collen Houck

Rick Riordan

Publicado em Livros | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Toda Luz que não podemos ver – Anthony Doerr

O é narrado no ponto de vista de dois personagens. Uma menina, Marie-Laurie que aos 6 anos fica cega, e mora apenas com seu pai. Ele é chaveiro do Museu de História Natural de Paris. Por ter habilidade em construir coisas, a cada aniversário, ele monta um quebra cabeça para Marie, e montou uma maquete da cidade de Paris, para que Marie possa se localizar pelas ruas da cidade. toda_luz_que_nao_podemos_ver_1426788848440816sk1426788848b

O outro personagem que narra a história é o jovem Werner Pfenning, órfão, que mora com sua pequena irmã, Juta e outras crianças em um orfanato. Quando criança ele era diferente das outras crianças e não tinha muito interesse em brincar na rua, mas em desmontar rádios velhos que achava pela rua. E por causa dessa sua curiosidade  e habilidade em desmontar rádios, acabou gerando uma vaga em uma escola nazista quando completa 14 anos.

Tanto Marie como Werner estão crescendo enquanto a guerra está começando. Ela, é obrigada deixar Paris junto com seu pai, com destino a Sant-Malo, pois o diretor do Museu, tem um trabalho para ele. Werner vai para a escola, e devido sua habilidade com os rádios, consegue chamar a atenção de um dos professores, e acaba se tornando seu pupilo.

A guerra despontando, Werner crescendo e vê absurdos que acontecem dentro da escola, e muitas vezes se pergunta, o que está fazendo ali. Marie, aprende a se movimentar pela cidade de Saint-Malo, depois que seu pai constrói outra maquete para ela. E enquanto isso, a guerra vai acontecendo ao redor do mundo.

O livro, mesmo sento narrado em duas visões ele também acontece em duas épocas, no início da guerra, mais ou menos no ano de 38-39, e depois passa para o fim da guerra, 44-45.

Eu gostei do livro, porém achei que o autor poderia escrever mais. Em alguns momentos, parece que ele fica enrolando um pouco, e depois parece que ele simplesmente atropelou tudo. Admito que deixou um pouco a desejar. Minha nota para ele foi 7,5.

Dados Técnicos:

ISBN: 9788580576979

Editora: Intrinseca

Livros relacionados:

As espiãs do dia D – Ken Follet

Dois irmãos, uma guerra- Ben Elton

Publicado em Livros | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

O Navio das noivas – Jojo Moyes

Mais um livro dela que me encantou. Após a segunda Guerra, a Austrália precisa retomar a sua vida, e por esse motivo, aproximadamente 600 mulheres embarcam no HMS Victoria, com destino a Inglaterra, para encontrar seus maridos.

Dentre as 600 passageiras, quatro mulheres de personalidade forte, ficam na mesma cabine, e aprendem a gostar uma da outra, e a lidar com essa diferença de personalidade entre elas. Jean, a mais nova entre elas, a menina irresponsável, que adora uma festa, Avice, a esnobe, que se aproxima das pessoas apenas por interesse, Margareth, criada na fazenda no meio de alguns irmãos, e é dura na queda e a reservada Frances. Todas elas estão em busca de um futuro melhor junto aos seus maridos na Inglaterra.

Durante 6 semanas elas precisam conviver em um espaço limitado, não apenas o espaço do navio, mas o pequeno espaço dentro das cabines. O navio originalmente era um porta aviões, e dessa forma, as cabines não possuem tanto conforto como um navio de primeira classe, mas no qual elas precisam se adaptar.o_navio_das_noivas_1464816672588938sk1464816672b

A rotina no navio é muito diferente do que elas estão acostumadas, pois é cheia de regras, e não só as mulheres,como também os tripulantes precisam de adaptar a essas regras. Eles, por não estarem acostumados a ter muitas mulheres a bordo, fazendo com que dessa forma não possam fazer festas, e nem ficar dando em cima das mulheres. Elas por serem casadas, e estarem a bordo de um navio de guerra, e precisarem viver confinadas dentro de um espaço limitado.

Adoro os livros dessa autora. Ela escreve de uma maneira muito gostosa, é que nos deixa com vontade de ler. Minha nota para esse livro foi. 9.5. Recomendo.

Dados técnicos:

 ISBN: 9788580579956

Editora: Intrinseca

Livros relacionados:

Jojo Moyes

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Peter Pan – J.M. Barrie

Quem nunca ouviu falar em Peter Pan?  Esse livro tem muita fantasia, ótimo para todas as idades. Wendy, João e Miguel são os três filhos do Sr e da Sra Darling, e eles tem uma cachorra, que é a babá, conhecida como Naná, e que por sinal cuida muito bem das três crianças.

Um dia, quando Sr e Sra Darling saem para um jantar na casa de amigos, as crianças estão no quarto dormindo, e Naná estava de castigo presa na sua casinha na rua, um menino entra voando. Ele já havia estado ali antes, pois havia perdido a sua sombra, e tinha voltado para buscá-la. Acontece que nessa noite, quando ele achou a sua sombra, ele não conseguia mais fazer com que ela grudasse novamente em seu corpo, e por esse motivo, ele estava chorando no chão do quarto, quando seu choro acaba acordando Wendy, que diz que vai costurar a sombra pra ele.peter_pan_14258515681412sk1425851568b

Após ficarem conversando por um tempo, ele convida ela para ir junto para  a Terra do Nunca, um lugar onde as crianças nunca crescem e passam por muitas aventuras, com piratas, onde existem sereias, fadas, e outros seres da fantasia. Wendy, junto com seus irmãos João e Miguel, partem nessa aventura ate a Terra do Nunca. Ao chegarem lá, eles acabam conhecendo os meninos perdidos, que são crianças que não tem mãe. Lá eles vivem muitas aventuras com Peter e os meninos perdidos. Conhecem o temível capitão gancho que , a todo custo tenta matar Peter.

Admito que a única versão que eu conhecia era do filme com Robbin Willians, no papel de Peter. O desenho da Disney também nunca tinha visto. Achei engraçado que a famosa fada Sinhinho não aparece tanto como achei que fosse aparecer. Esse é um livro de fantasia pura. Para quem gosta recomendo. Minha nota pra ele foi 8,5.

Dados técnicos:

ISBN: 9788537811535

253 páginas

Editora : Zahar

Publicado em Livros | Marcado com , , , | 3 Comentários