A menina que brincava com fogo – Stieg Larsson

Segunda livro da trilogia. Desde o início do livro, Lisbeth já destaca mais do que no primeiro livro. Depois que ajudou Mikael no caso Wennerstrom, e na busca por Hariet Vanger Lisbeth vai viajar um pouco pelo mundo. Nesse livro , acabamos descobrindo mais detalhes referente a vida de Lisbeth.

Dag Svensson e Mia Bergman são brutalmente assassinados em seu próprio apartamento. Mikael é quem encontra seus amigos quando está indo fazer uma visita. As digitais de Lisbeth são encontradas na arma do crime, que por sinal é do seu atual tutor Dr Nils Bjurman.

Todos investigam o paradeiro de Lisbeth. A polícia por que quer prender essa “psicopata”, a Milton Security por que quer entender o comportamento de Lisbeth, o real motivo dela ter agido assim, e na redação da Milleniumm, onde Mikael e (verificar nome), também tentam entender o acontecido e na verdade querem achar o verdadeiro assassino de Dag e Mia, pois Mikael acredita na inocência de Lisbeth. Ninguém tem notícias de onde ela pode estar, pois simplesmente parece que evaporou.

Lisbeth é procurada nacionalmente como “louca psicótica, assassina em série”. Mesmo nessa situação, ela consegue ate certo ponto se comunicar com Mikael. E ao que parece, mais um aliado para defender Lisbeth, ou será que não?? Lisbeth precisa tentar provar a sua inocência. Depois de muito procurar, Mikael consegue montar o quebra-cabeça e entender a ligação entre Dag, Mia, Lisbeth e os assassinatos.

Assim, esse sem dúvida nenhuma é um dos melhores livros que li nos últimos tempos. O autor realmente consegue prender a sua atenção! No primeiro livro eu já tinha me encantado com a Lisbeth, mas nesse, simplesmente me apaixonei por ela. Pois ela não é “a donzela indefesa” como muitos livros tem (nada contra esse tipo de livro, mas apenas que é um livro diferente, eu adoro livros onde tem donzelas indefesas). Mas é um ótimo livro. Um livro de 608 páginas que passam voando, pois você não consegue largar!!! Vale muito a pena, minha nota foi 10,0!!!

I.S.B.N.: 9788535916270

608 páginas

Editora:Companhia das Letras

Livros relacionados:

Confie em mim – Harlan Coben

Não conte a ninguém – Harlan Coben

Os homens que não amavam as mulheres – Stieg Larsson

Anúncios

Sobre alinedal

Sou uma pessoa que adora livros, e que adora escrever também, então decidi juntar essas duas paixões. Vou escrever aqui sobre os livros que li até hoje, e a minha opinião sobre o assunto. Espero que vocês leitores(as) também façam suas sugestões. Então é isso ai!!
Esse post foi publicado em Livros e marcado , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para A menina que brincava com fogo – Stieg Larsson

  1. lereamar disse:

    Oiiieee!!! To aqui num churras na minha amiga, hehe… Amanhã eu entro de novo e leio desde a primeira resenha tá???? Que já está ali no post relacionada… Beijãoooo flor

  2. lereamar disse:

    Ohhh meu Deus do céu!!! O livro parece bom mesmo…
    Adoro livros que prendem nossa atenção a ponto de não conseguirmos largá-lo…
    O último que li e não larguei foi Uma Noite no Chateau Marmont – que nada tem a ver com esse que tu leu – mas que prendeu minha atenção também…
    Adorei teu texto!!! Dá para sentir pelas palavras o quanto o livro é bom!!!!
    Ai ai, quem será que me emprestará???? hehe… Vou descobrir ou conprar no próximo salário só, hehe
    Beijãoooo minha amigaaaaaaaaaaaaa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s